Comemorativa aos 500 anos do descobrimento do Brasil

São Vicente, cellula mater da nacionalidade, promoveu em 28 de janeiro de 2000, a realização de Reunião Maçônica comemorativa aos 500 anos do Brasil.

Seu idealizador, o Ir Marcio França, então Prefeito Municipal, empenhou-se em cristalizar um sonho.

Assessorou-se de irmãos que ajudaram a dar corpo ao projeto. A idéia tomou vulto e pudemos constatar naquela noite a coroação de um evento digno de exaltação.

Desde o planejamento a execução do programa de festividade correu tudo bem.

Os convidados foram recebidos na sede náutica do E. C. Beira Mar onde seguiram a Praia de Paranapuã de ônibus.

Lá foram conduzidos através de caminho rústico e iluminado apenas por tochas até próximo a morro, ali estava montado um templo, todo natural, mas rico no que era indispensável do simbolismo maçônico.

A reunião foi um verdadeiro espetáculo, conciliando homenagens, depoimentos efusivos e riqueza de simbolismo, que teve seu auge com a dramatização da presença dos IIr Martim Afonso e João Ramalho, com suas roupas características do século XV.

Tudo ajudava, tudo estava justo e perfeito, havia um clima energético que a todos inebriava, o Grande Arquiteto do Universo nos brindou com uma noite estrelada e temperatura amena.

Finda a reunião, houve inauguração de Monumento à Maçonaria, ao evento e aos 500 anos, esquadro e compasso sobrepostos medindo 10 metros de altura.

Dali o retorno ao E. C. Beira Mar, onde pudemos descontrair e nos confraternizar em requintado coquetel.

Compareceram representantes de 98 Lojas Maçônicas com mais de 2.000 irmãos presentes.

Várias autoridades maçônicas se fizeram presentes:

  • Grão Mestre Geral do Brasil - Pod Ir Francisco Murilo Pinto
  • Grão Mestre do Estado de São Paulo - Em Ir João Baptista Moraes de Oliveira
  • Grão Mestre das Grandes Lojas do Estado de São Paulo - Pod Ir Salim Zugaib
  • Grão Mestre do Grande Oriente Paulista - Em Ir Arnaldo Faria

Dados estatísticos

Compareceram à reunião histórica mais de 1200 irmãos das três potencias maçônicas, onde 974 eram autoridades, mestres e representantes de Lojas, 82 companheiros e mais de 100 aprendizes.

Das Lojas, 44 eram federadas ao Grande Oriente do Brasil, 43 as Grandes Lojas, 11 ao Grande Oriente Paulista e uma dos Estados Unidos.

O brilho e grandiosidade do evento foram intensamente noticiados, mas a carta do Irmão Francisco Marcelo Roque da Silva, retrata com riqueza e sentimento o que foi a reunião.

Carta do Irmão Francisco Marcelo Roque da Silva CM, que expressa suas impressões sobre a Reunião Histórica:

Meus Irmãos:

BRASIL 500 ANOS

Jamais irei esquecer São Vicente - SP, 28 de janeiro de 2000, fim de tarde estávamos todos lá reunidos. Irmãos de todas as raças, crenças, religiões, com um único pensamento: o que viria a acontecer. Irmãos confraternizando-se depois de um longo tempo, e muita, muita curiosidade de aprendizado por todas as partes.

Partimos em direção ao desconhecido, fomos todos curiosamente levados em meio à escuridão a um local pouco freqüentado e de muito misticismo.

Chegamos a um ponto onde um imenso e maravilhoso marco da maçonaria fora erguido. Seguimos por um caminho, cerca de 200 metros, iluminado por meio de tochas, adentrando a mata, como se estivéssemos retornados, assim ao século XV, onde somente tochas iluminavam os templos sagrados da maçonaria e suas sessões.

Lá estavam reunidos: o de manter a virtude erguida por degraus dos templos.
Calados, entramos ao templo erguido em meio à mata, esplendoroso não por sua beleza, mas devido a sua simplicidade, fazendo com que todos o admirassem com surpresa por tamanho arrojo em sua abóbada celeste natural, com as estreles inclusive iluminando o templo, fazendo-nos testemunhas da mais bela sessão.

Todos estavam curiosos. Comentários diversos soavam por todas as partes do templo. Eu não conseguia parar de perguntar, tamanha emoção.

Autoridades maçônicas dos três poderes foram postadas nos seus devidos lugares no Oriente e, obviamente, quem de maior merecimento não podia faltar, o mentor de tamanha idéia, o Irmão Márcio França, e que fora ovacionado por todos, a quem quero, neste momento, parabenizar, tendo em vista a brilhante ousadia.

Certos de que tudo estava corrente na mais perfeita ordem, quando fomos surpreendidos por nosso irmão mestre de cerimônia, de que mais dois irmãos especiais fariam também parte deste grande sessão, sendo este advindos do Ocidente, quais sejam: o Irmão Martim Afonso de Souza e o Irmão João Ramalho. Ao entrarem no Templo deixaram-nos boquiabertos e não cobertos de pura energia, o que confesso, neste particular, que não pude conter as lágrimas, pois já não cabiam em mim mais sentimentos de alegria e pura emoção.

As mais belas palavras foram entoadas por todas as grandes autoridades maçônicas. Contudo, o que mais tocou profundamente o meu coração, foi à certeza de que aqueles dois irmãos do Ocidente que ali estiveram presentes, saíram satisfeitos com o trabalho desenvolvido por todos nós em relação ao progresso e evolução da nossa região.

Falo por meio desses humildes palavras que, no entanto, são sinceras e saem do fundo do meu coração.

E com isso, tenho a certeza de que sessão como esta somente daqui a 500 anos. Entretanto, para aqueles que a ela compareceram fica a magnífica lição de que podemos sim, se quisermos, construir uma sociedade mais fraterna, onde pais e filhos, amigos e parentes, colegas e conhecidos, possam, sem sombra de dúvida, serem dignos de se tratarem por irmãos com a graça do Grande Arquiteto do Universo. Afirmo ainda, que apesar das dificuldades que encontramos, tenho grande orgulho de fazer parte dessa imensa Loja Véritas, onde irmãos sem medo confraternizam pensamentos para o bem de todos. Que Deus todo poderoso nos dê força para que continuemos a prodigalizar construindo masmorras ao vício e levantando templos à virtude. E que o Grande Arquiteto do Universo Abençoe a todos.

Orde Santos, 04 de fevereiro de 2000 da E V·.
Francisco Marcelo Roque da Silva CM

Lojas participantes
O livro de presença registrou a expressiva marca de 98 Lojas, representadas por mais de 1.200 IIr, fato que corou de êxito às comemorações dos 500 Anos do Descobrimento do Brasil, na reunião histórica de 28 de janeiro de 2.000, na Praia de Paranapuã, em São Vicente.

 

 

Nome da Loja

Oriente

Jurisdição

1 ARLS Artésia (EUA)
California
EUA
2 ARLS 2 de Abril
Suzano
GLESP
3 ARLS 22 de Abril
Itanhaém
GLESP
4 ARLS 7 de Setembro
Santos
GLESP
5 ARLS 9 de Abril
Cubatão
GLESP
6 ARLS Acácia de Santos
Santos GLESP
7 ARLS Alberto Santos Dumont
Santos GLESP
8 ARLS Amor e Silêncio
São Vicente GLESP
9 ARLS Antonio Carlos
Guarujá
GLESP

10

ARLS

Caminho da Luz

Franca

GLESP

11

ARLS

Cidade de São Vicente

São Vicente

GLESP

12

ARLS

Coluna Santista

Santos

GLESP

13

ARLS

Duque de Caxias

São Vicente

GLESP

14

ARLS

Esquadro e Compasso de Cabreuva

Cabreuva

GLESP

15

ARLS

Estrela de Itupeva

Itupeva

GLESP

16

ARLS

Estrela de Jundiaí

Jundiaí

GLESP

17

ARLS

Estrela de Jundiaí II

Jundiaí

GLESP

18

ARLS

Estrela do Litoral Norte

S. Sebastião

GLESP

19

ARLS

Fênix Vicentina

Santos

GLESP

20

ARLS

Filhos do Sol

Jundiaí

GLESP

21

ARLS

Flor de Liz

São Paulo

GLESP

22

ARLS

Francisco Rorato

Santos

GLESP

23

ARLS

Fraternidade de Itariri

Itariri

GLESP

24

ARLS

Fraternidade de São João

São Paulo

GLESP

25

ARLS

Harmonia Universal

Jundiaí

GLESP

26

ARLS

Ideal e Trabalho

P. Grande

GLESP

27

ARLS

Imigrantes

Pariqueraçu

GLESP

28

ARLS

Irmão e Amigos

Santos

GLESP

29

ARLS

José Bonifácio

Santos

GLESP

30

ARLS

Justiça e Equidade

Guarujá

GLESP

31

ARLS

Justiça e Trabalho

Registro

GLESP

32

ARLS

Leonardo Da Vinci

Guarulhos

GLESP

33

ARLS

Liberdade

Santos

GLESP

34

ARLS

Martim Afonso

São Vicente

GLESP

35

ARLS

Martim Francisco

Guarujá

GLESP

36

ARLS

MMDC

São Paulo

GLESP

37

ARLS

Obreiros da Verdade

P. Grande

GLESP

38

ARLS

Pedro Pinto dos Santos

C. do Jordão

GLESP

39

ARLS

Pitágoras

São Paulo

GLESP

40

ARLS

Quatorze de Julho

Campinas

GLESP

41

ARLS

Renascença Santista

Santos

GLESP

42

ARLS

Tríplice Aliança

Mongaguá

GLESP

43

ARLS

União Santista

Santos

GLESP

44

ARLS

XV de Novembro

Santos

GLESP

45

ARLS

26 de Janeiro

Santos

GOB

46

ARLS

Amigos da Verdade

Santos

GOB

47

ARLS

Aquarius

Santos

GOB

48

ARLS

Barão de Ramalho

Bertioga

GOB

49

ARLS

Barão de Tschoudy

Santos

GOB

50

ARLS

Candido Rondon

São Paulo

GOB

51

ARLS

Célula Mater

São Vicente

GOB

52

ARLS

Cidade de Guarujá

Guarujá

GOB

53

ARLS

Cidade de Itanhaém

Itanhaém

GOB

54

ARLS

Cidade de Itarirí

Itarirí

GOB

55

ARLS

Cidade de Juquiá

Juquiá

GOB

56

ARLS

Cidade de Miracatu

Miracatu

GOB

57

ARLS

Cidade de Praia Grande

P. Grande

GOB

58

ARLS

Cidade de São Vicente

São Vicente

GOB

59

ARLS

Construtores Sociais

Santos

GOB

60

ARLS

Cruzeiro do Sul

Registro

GOB

61

ARLS

D. Pedro I Benemérita e Beneficente

Santos

GOB

62

ARLS

Damasco – Benfeitora da Ordem

Santos

GOB

63

ARLS

El Alcazar de Toledo

P. Grande

GOB

64

ARLS

Estrela de Praia Grande

P. Grande

GOB

65

ARLS

Estrela de Santos

Santos

GOB

66

ARLS

Estrela do Brasil

São Paulo

GOB

67

ARLS

Estrela Vicentina

São Vicente

GOB

68

ARLS

Fraternidade de Jacupiranga

Jacupiranga

GOB

69

ARLS

Fraternidade de Mongaguá

Mongaguá

GOB

70

ARLS

Fraterno Renascer de Iguape

Iguape

GOB

71

ARLS

Hiram Abif

Santos

GOB

72

ARLS

Independência 3a

Franca

GOB

73

ARLS

João Otávio

Santos

GOB

74

ARLS

José Alvares Maciel

R de Janeiro

GOB

75

ARLS

Laurindo Chaves

Santos

GOB

76

ARLS

Lealdade e Civismo

Santos

GOB

77

ARLS

Lealdade Paulistana

São Paulo

GOB

78

ARLS

Luiz Gama

Itanhaém

GOB

79

ARLS

Lux Aeterna

Peruíbe

GOB

80

ARLS

Paulo Gasgon

Santos

GOB

81

ARLS

Pesquisadores da Luz

Santos

GOB

82

ARLS

Príncipe do Líbano

São Vicente

GOB

83

ARLS

Rangel Pestana

São Paulo

GOB

84

ARLS

São João D´Acre

São Vicente

GOB

85

ARLS

São Vicente

São Vicente

GOB

86

ARLS

Ulisses Jorge Martinho

Jundiaí

GOB

87

ARLS

Véritas

Santos

GOB

88

ARLS

Amor, União e Trabalho

Registro

GOB

89

ARLS

Bento Gonçalves

São Vicente

GOB

90

ARLS

Cavaleiros da Arte Real

Pres. Prudente

GOB

91

ARLS

Cidade de Santos

Santos

GOB

92

ARLS

Cavaleiros Noaquitas

Santos

GOB

93

ARLS

Fraternidade de Santos

Santos

GOB

94

ARLS

Monte Líbano

São Paulo

GOB

95

ARLS

Trabalho, União e Amor

Iguape

GOB

96

ARLS

Tradição e Verdade

Itanhaem

GOB

97

ARLS

União e Fraternidade

Miracatu

GOB

98

ARLS

Amor e Concórdia

Jundiaí

GOB

 

© Estrela Vicentina - Todos os Direitos Reservados